Réu é condenado a 29 anos de prisão por homicídio qualificado em Belém

9


O réu Daniel dos Santos Oliveira, de 29 anos, foi condenado nesta terça-feira (28) em Belém pela morte do mecânico Thiago Devyson Kodani, de 30. Segundo o Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJPA), a pena de 29 anos deve ser cumprida em regime inicial fechado.

O crime aconteceu no dia 26 de setembro de 2015, no quarto onde o réu morava com a mulher e o filho de 4 anos, localizado no bairro do Tapanã, em Belém. O local era propriedade da vítima.

O pai da vítima disse foi ouvido no julgamento e disse não ter visto o crime. Segundo ele, a morte foi motivada por um ventilador que o filho cedeu a Daniel e depois pediu de volta após um desentendimento.

Em interrogatório, Daniel alegou que teve uma discussão com Thiago e houve luta corporal. De acordo com o depoimento dele, a vítima teria puxado uma faca e o atingiu.

Daniel conseguiu desarmar Thiago e, segundo ele, desferiu três golpes de faca. Após isso, ele fugiu com a mulher e o filho.



Ver Matéria Original

SHARE

LEAVE A REPLY